Como escolher um bom tênis para se exercitar

Como escolher um bom tênis para se exercitar 

 

Os pés são os responsáveis por suportar o peso do corpo e o impacto de qualquer exercício físico. Logo, você não precisa investir muito em camisetas para se exercitar, pode não gastar muito com shorts ou meias mas com um tênis é preciso fazer uma compra mais cautelosa. O calçado não é apenas um mero acessório decorativo mas ajuda a melhorar o impacto do exercício e assim evitar lesões e sua escolha não deve ser por cor ou marca famosa, mas qual modelo seria o mais adequado para você.

 

Modelos de tênis ideais para cada tipo de atividade física

 

Há muitos tênis no mercado e modelos realmente lindos, confortáveis, mas eles precisam se adequar à atividade física. O modelo correto de tênis ajuda no desempenho e evitar lesões e dores, enquanto o errado pode se tornar uma enorme dor de cabeça. Trouxemos um mini guia simples para ajudar aos atletas já experientes ou iniciantes a escolher o melhor tênis de acordo com a sua atividade.

 

O primeiro passo é saber qual o seu tipo de pisada. Ela é pronada (forçando o pé para dentro), supinada (forçando o pé para fora) ou neutra? Quando não se sabe o tipo de pisada o seu corpo procura o equilíbrio e força coluna e músculos, podendo causar lesões. O teste de pisada pode ser feito com maquinário eletrônico em algumas lojas ou com um ortopedista.

 

Corrida

O impacto da corrida nos pés é maior que alguns esportes, exigindo amortecimento maior e por isso tênis de corrida costuma ter reforço no amortecimento na parte da frente e de trás. Também não pode ser um calçado alto para evitar torções e nem com sistema de molas separados demais para não deixar o corpo instável. O peso do tênis também influência no desempenho. Quanto mais pesado mais incômodo e mais lentamente o esportista corre, podendo sentir dores. Quanto mais leve melhor.

corrida
corrida

 

O tipo de corrida também é importante de ser analisado. Você é um corredor de rua? Observe o solado se ele é adequado para diferentes terrenos. Na descrição do tênis você encontra modelos apropriados para esteira, outros para corridas e outros para pista.

 

Malhação / ginástica

tanto para malhar como para aulas de ginásticas é preciso usar sapatos confortáveis e com boa transpiração para equilibrar a temperatura do pé. Um tênis com mais partes de tecido para quem faz ginástica seria o ideal, assim como com amortecimento de mediano a alto para controlar o impacto. Como não é uma corrida não é preciso ter uma enorme atenção ao amortecimento. Os tênis com

um pouco mais alto possuem o benefício de fornecer mais estabilidade ao tornozelo e com isso ajudar a evitar lesões como virada de pé ao erguer pesos.como ganhar massa muscular mulheres

 

Treinamento funcional – como movimenta todo o corpo, o calçado ideal deve ter um pouco mais de amortecimento que o dedicado a uma academia de ginástica com malhação. Com atividades muito dinâmicas e envolvendo saltos ou mesmo pequenas corridas o amortecimento e um tênis leve se tornam uma boa escolha para evitar lesões e cansaço.

 

Futebol – o perfeito mesmo é não usar tênis mas sim chuteiras porque as travas no solado evitam derrapar em campo. Sem as travas que tornam o calçado diferenciado ele pode ser uma armadilha para torções, escorregões e não permitem a livre movimentação do atleta.

 

Crossfit – este tipo de atividade física mistura diferentes tipos de exercícios de alto e baixo impacto, então deve envolver um bom amortecimento na parte frontal e traseira e também material ventilado para a respiração. Um solado elástico deve ajudar melhor no desempenho dos exercícios, então pode dobrar na loja o tênis para saber se ele é maleável ou não. Os modelos de tênis exclusivamente elaborados para crossfit são chamados de minimalistas e estão disponíveis em muitas lojas do Brasil com preço bem em conta.

 

Trekking / caminhada na natureza – é um ótimo esporte mas exige tênis específico. Os modelos de esteira e usados nas academias possuem fendas no solado que podem ser prejudiciais para caminhadas ou corrida em espaço aberto por permitir prenderem-se pedras e outros materiais do tipo, podendo causar lesões sérias. Também deve ter travas para evitar derrapar em piso molhado, barro ou grama. Os canos costumam ser mais altos para evitar derrapar e podem proteger contra chuva e lama, serem isolados de líquidos.

 

Vôlei – deve haver rachaduras no solado para melhor aderência no solado e evitar derrapagem na quadra. Também são bem ventilados para melhorar a transpiração dos atletas e equilibrar a temperatura dos pés. Como envolve saltos o amortecimento é reforçado na parte da frente

 

Basquete – o cano deve ser mais longo para evitar viradas causando lesões e torções. Também tem pequenos fixados no solado para fixar melhor na quadra. Um dos principais diferenciais é ter um círculo na parte da frente para melhorar o giro do atleta, em especial do pivô e evitar lesões no joelho.

Você Precisa Ver Isso:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *